Drs. Daniel Sigulem e Nestor Schor


Dois anos de intervenção na dieta, exercício, treinamento cognitivo e monitoramento de risco vascular, para prevenir o declínio cognitivo em pessoas idosas de risco.

14/03/2015 11:23

Foram selecionados para o estudo 1.260 pacientes idosos com idades entre 60 e 77 anos com risco cardiovascular e com testes mostrando discreto declínio cognitivo (Dementia Risk Score de 6 pontos).

O grupo controle de 629 pacientes recebeu o suporte convencional e, 631 pacientes do grupo intervenção, foram submetidos a modificações de dieta, suporte cardiovascular e treinamento cognitivo.

Após 2 anos, os resultados deste estudo controlado, sugerem que esta intervenção múltipla pode melhorar ou manter o funcionamento cognitivo em idosos com risco cardiovascular.

 

https://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(15)60461-5/abstract

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!